Conquistense sofre com obesidade e luta para conseguir cirurgia através da rede pública, ele pesa 190 kg

Um morador de Vitória da Conquista, que pesa cerca de 190 kg, sofre com falta de ar e tem dificuldades para se movimentar, problemas causados pela obesidade. Ele luta para conseguir uma cirurgia bariátrica através da rede de saúde pública.

O motorista de caminhão Rogério de Jesus Oliveira, de 32 anos, precisou parar de trabalhar por causa da obesidade, que provoca inchaço nos pés e nas penas dele. Nos últimos dois anos, a situação se agravou por causa do excesso de peso.

“É complicado porque a gente nasce, cresce, é acostumado a fazer as atividades da vida, correr, coisas simples, calçar um sapato, ir no banheiro, se limpar. Estar na situação de depender de pessoas boas, que graças a deus ajudam, mas é constrangedor para a gente que está passando essa situação. Hoje eu não consigo amarrar meu sapato, se eu vou no banheiro, eu dependo da minha esposa ou do meu pai para me limpar”, disse Rogério.

Rogério chegou a receber apoio de nutricionista. No entanto, a necessidade dele ter acompanhamento médico para uma possível cirurgia bariátrica. Segundo a assistente social Kênia Duarte, que acompanha o caso, exames com cardiologista, endocrinologista e vários outros foram feitos em 2019, mas o homem precisa ser submetido a novos exames.

“No momento em que Rogério se encontra, com esse cansaço, bastante ofegante, tem que ter, primeiramente, a consulta com um cardiologista para saber se ele suporta essa cirurgia. Nós não temos retorno da Secretaria de Saúde daqui de Conquista, do Cedeba, que é em Salvador. Chegando lá, a assistente social conversou com ele e pediu para ele retornar sem nenhum tipo de avaliação”, explicou Kênia.

Em nota, a Secretaria de Saúde da cidade informou que em outubro de 2019, o paciente foi encaminhado ao Centro de Diabetes e Endocrinologia da Bahia (Cedeba), unidade que ficaria responsável pela possível bariátrica. Ainda segundo a secretaria, Rogério estava sendo acompanhando este ano mas, por causa da pandemia da Covid-19, os trabalhos foram suspensos.

Enquanto a situação não resolve, amigos de Rogério fizeram doações para conseguir dinheiro para a cirurgia. Um médico se dispôs a ajudar, mas também existe os custos com hospital, medicamentos e pós operatório, que podem chegar a R$ 25 mil.

“O pessoal vê minha luta diária, que eu tinha, porque agora eu nem estou conseguindo andar, sair de casa direito. Essas pessoas estão se unindo para me ajudar com a cirurgia, com algum meio para perder esse peso, para me ter a vida normal de novo. Fizeram a campanha pela internet, tem a vaquinha. Eles estão se unindo para ajudar, com fé em Deus vai dar certo, eu vou viver livre dessa prisão”, contou Rogério.

Quem quiser ajudar Rogério pode entrar em contato pelo telefone: (77) 98801-8553.



Conquista, Destaques, Saúde, Vitória da Conquista

Comentário(s)


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *